Transcendente de mim

Todo amor que eu dou passa despercebido...
Passei minha vida no escuro pelo nosso bem.
Nos poderíamos mover uma montanha, mais as coisas nem sempre acontece como gostaríamos.
Sinto que estou me perdendo de você, escorregando lentamente, esvaindo cada parte do amor que sinto por você.
Sabe, é engraçado pensar no quanto ainda tenho esperanças que um dia você possa voltar a me amar da mesma forma que eu te amo. É, muitas vezes me sinto burra, impotente, sem forças pra lutar contra essa "força" estranha que me leva de volta a você.
E nesse momento de nossas vidas, vejo o quanto preciso estar forte, confiante de mim mesma e inteira para estar aberta a novas possibilidades. Sei o quanto será estranho, incomodo, destruidor e ao mesmo tempo libertador e reconfortante conseguir passar por essa "digamos, barreira" na qual me coloquei.
Mais entenda meu amor, não estou dizendo que a culpa desse turbilhão de emoções é sua. "Não por completo". Quero te lembrar de todas as coisas bonitas e dos sacrifícios que você já fez por nós. Não se sinta impotente, não fique triste por não estar na mesma vibe que eu esperava. Como você mesmo sempre me falou " Não temos como controlar o que acontece inteiramente" e é exatamente isso que estou desconstruindo em mim.
Nove de dez vezes tenho meus sentimentos
Mas dez de nove vezes eu sou apenas humana.

0 comentários:

Postar um comentário